Vamos falar de


quarta-feira, 18 de janeiro de 2006

Prós & Contras


Uma vez que em quase todos os temas discutidos a gestão autarquica é referida e suscita acesas opiniões, gostava de desafiar os colaboradores a indicar 5 Prós e 5 Contras. Sempre que possivel, deverão os mesmos ser, minimamente justificados!

47 comentários:

  1. Concordo plenamente... A critica só pela critica não tem valor! É preciso criticar construtivamente, e fundamentar as diversas opiniões!

    ResponderEliminar
  2. LI2:
    A gestão autárquica suscita opiniões mais acesas porque a nível do concelho, é a unica gestão que faz com que o mesmo mexa alguma coisa, e depois há pessoas que concordam com as mudanças e outras não.

    ResponderEliminar
  3. Makiavelli19/01/06, 13:55

    Parece que tenho fama de só falar Mal, pois bem. Boa ideia Sr. Srª Li2. Acho que a gerência da Autarquia tem sido de facto negativa, contudo ha coisas que devo realçar. O Cartão Social, a sua divulgação e o apoio que tem sido dado aos mais pobres é um facto. O Festival Islâmico tem sido um sucesso o seu aproveitamento, a organização deste evento tem sido de louvar. O apoio ao Futebol Clube Guadiana, sempre de enaltecer o investimento neste tipo de actividades desportivas. Algumas pequenas obras aqui e alí onde faz falta, por vezes com resolução rápida. Agora se isso tudo chegasse dava-me como feliz. Mas não estou.
    Contras: Saneamento Básico em várias localidades do Concelho, uma gestão desastrosa. Quer-se fazer tudo e rápido, resultado. Obras e obras por acabar, o da Mina de S. Domingos então é um desastre. As obras arrastam-se a quatro anos sem fim à vista. As pessoas foram obrigadas a pagar as taxas SEM A OBRA ESTAR CONCLUIDA!! quem quiser paga 114 Euros, isso para pessoas que mtas delas têm reformas de perto de 200 Euros. O pior de tudo, só mesmo neste concelho se pagam os esgotos antes de estarem prontos!!!! O que digo a isto: falta de sensibilidade? falta de verbas para a autarquia? Má gestão?? deixo a sugestão Para não me arrastar em mais exemplos...

    ResponderEliminar
  4. Não ha machado que corte...19/01/06, 15:00

    Penso que esta gestão tem muitos pros e muitos contras; e porque as boas nooticias sabem sempre bem, acho que de bom foi: 1º a criação da Merturis, um concelho que se pretende turistico, deve, a meu ver, ter um organismo que trabalhe so nesse sentido! 2º as obras de beneficiação na EB1 de Mértola, bem como o melhoramento do apetrechamento de quase todas as escolas do concelho! 3º a criação, a par de outras festividades já anteriormente criadas e que muito aprecio, como a Feira do mel...; o Festival Islâmico, da Feira Agropecuaria e o Festival do Peixe do Rio, porque dinamiza a freguesia envolvida! 4ºO ja mensionado Cartão Social e 5º As obras efectuadas nos edificios da cãmara para habitação social.
    Mas, como quase tudo é para o bem e para o mal... Acho mal que so duas freguesias sejam beneficiadas com as anteriormente referidas festividades!! 2º Projectos, projectos, projectos: julgo que houve um excessivo "despesismo" com projectos que ja não sabemos se se concretizam ou não, Expls?? O centro internacional de turismo...; o parque de campismo; a pista de águas bravas; o termalismo etc, etc. 3º o apoio à criação de um so agrupamento de escolas, quando acredito que o 1º ciclo e o pré-escolar só tinham a ganhar tenho um agrupamento unico e que assim perdem em detrimento do ensino secundário!! 4º O facto da criação de lotes de terreno, em quantidade e qualidade, continuar a ser uma bandeira de campanha eleitoral, como se não se tratasse de uma necessidade imperativa!! e "The last, but not the least" o continuar de "nodoas negras" tantas vezes apontadas, enquanto oposição e que agora verifico serem defeito de poder!!

    ResponderEliminar
  5. Não há machado que corte a raiz ao pensamento...Olhe que há, olhe que há!!
    Concordo quase totalmente! Quase porque, por exemplo, em relação as obras nos edificios da câmara para habitação social, pecam por ser lentas, principalmente se pensarmos nas pessoas que esperam para as habitar!!Sim eu sei, antes lentas que nunca! mas, quem espera - desespera e infelizmente ha pessoas a viver miseravelmente, alguns idosos, para quem a espera é, certamente, ainda mais penosa!!
    Quanto às "nodoas negras" gostria que fosse mais pespecifico(a) Só mais um bocadinho, please, please!!

    ResponderEliminar
  6. "gostaria que fosse um bocadinho mais especifico(a)" desculpem lá!

    ResponderEliminar
  7. 5 pontos+
    -Cartão Social: mais divulgação, e mais pessoas abrangidas;
    -Feira do Mel, Queijo e Pão; Festival do Peixe do Rio;Feira Transfronteiriça de Vale do Poço; Festival Islâmico melhorado;
    -Avanço no Saneamento Básico;
    Apoio ao investimento privado e aos jovens empresários;
    - Restauro, remodelação do cine-teatro Marques Duque

    Pontos-
    -É triste, no séc. XXI, ainda não haver respeito pelos pensamentos, opiniões, etc que divergem da força politica no poder;
    -Os esquemas, estratagemas e jogos sujos, que antes tanto criticámos, agoram acontecem a pessoas como eu, que sempre lutou para que "isto" mudasse.
    - Os ditos "Paraquedistas", que peço desculpa pela expressão: "são mais que as mães"! Se não houvesse desempregados no Concelho de Mértola, até se compreendia, mas assim...
    E ficamos assim... á espera que isto melhore, eu acredito que sim ( só espero que não me façam deixar de acreditar)

    ResponderEliminar
  8. Há uma questão que me toca profundamente, gostaria de ver rampas de acesso para deficientes, pelo menos nalguns edifícios públicos, mesmo que fossem rampas amoviveis, já pensaram no obstáculo que é para aqueles que delas necessitam?
    Ora aqui está um bom tema para pôr á discussão.

    ResponderEliminar
  9. Makiavelli20/01/06, 14:31

    Meu amigo anonimo como vê, e se der "uma voltinha" por este blog, repara seguramente que QUEM está no poder ainda lhe custa a engolir com as criticas, enganam-se porém, que com criticas e com opinões é que se faz a mudança. Não me vou acomodar como muitos e "deixar andar" iludido parecendo que tudo está bem. As opiniões devem ser respeitadas.
    O que está bem deve ser valorizado e o que está mal deve ser denunciado.

    ResponderEliminar
  10. Olho azul claro20/01/06, 15:17

    Diz-nos a História que muitos governantes, alguns deles ditadores, chegaram ao fim das suas carreiras politicas, militares e até ao fim das suas vidas iludidos pelos seus mais proximos colaboradores de que tudo corria bem, quando de facto corria mal!... e porquê? Exactamente porque não admitiam criticas, e ainda porque confiam plenamente em quem lhes diz sempre que sim, e desconfiam e afastam quem lhes diz que não!!
    Há erros que só se cometem duas vezes porque se quer...porque a historia os tem documentados!

    ResponderEliminar
  11. Cara Mary, concordo plenamente que esse é um bom tema!!
    Podiamos alargar e saber quais os auxilios que este concelho tem pensados para os deficientes!

    ResponderEliminar
  12. Sr. ou Srª anonimous, conforme o caso:
    Não estou a defender ninguem e estou de acordo que primeiro estão "os da casa" mas:
    1.º todas as pessoas que entram para a Câmara, entram por concurso Publico, logo é a nota ou o curriculo que conta.
    2.º A esmagadora maioria dos "para-quedistas" como lhe chama são Técnicos Superiores, Técnicos Superiores esses que não temos cá no concelho, logo têm que vir de fora.
    3.º Os concursos onde se vêm pessoas do concelho são os concursos para Administrativos, mas obviamente e ao contrário do que seria muito bom, não podem entrar todos.

    ResponderEliminar
  13. Srº Night Boy... so para esclarecer, nem todas as pessoas que entram para a Câmara é através de Concursos! Está familiarizado com a palavra Avença?

    ResponderEliminar
  14. makiavelli20/01/06, 17:32

    Srº Night Boy, aonde tem andado ultimamente? de certeza que não foi em Mértola. "O curriculo é que conta???????" Aliás, não podemos só culpar a câmara que esse é um problema que acontece em firmas, empresas, no estado etc. Os padrinhos e primos é que sim! que contam, agora curriculo...(?)

    ResponderEliminar
  15. Assirio & Alvin, Lda20/01/06, 17:42

    Lirico, meu amigo Night Boy, lirico!!
    E poesia por poesia, prefiro a do Manuel Alegre!!... do tipo "pergunto à cunha que passa, noticias do meu concurso..."

    ResponderEliminar
  16. Meus amigos,há aqui gente a fazer comentários e a dar contribuições com muita piada e com conteudos muito interessantes mas aproveitando o anonimato, continuam a ser feitas acusações e insinuações de de alguma gravidade. Não estou a defender ninguém, apenas a tentar que este local mantenha dignidade, frontalidade, objectividade e que contribua para melhorar a nossa participação publica. Não se trata de impedir a critica, antes pelo contrário, esse é um dos objectivos deste espaço, trata-se de dar ou não cobertura a atitudes cobardes. Penso que estamos a conseguir algo com muito interesse para todos os mertolenses e para quem gosta efectivamente de Mértola, vamos manter esse espirito.

    ResponderEliminar
  17. É verdade que Mértola, nestes últimos anos tem se desenvolvido, tendo vindo a recuperar o seu tempo perdido, nunca esquecendo o seu passado de grande valor histórico.
    Pois como todos nos sabemos o nosso magnífico concelho é o 3 maior do pais em área geográfica, o que leva a que muitos dos projectos e obras, por vezes passem desapercebidas aos olhos dos outros.
    Já agora era bom que todos nos, desse-mos o nosso contributo, para a melhoria deste concelho, tanto com ideias como com projectos que ajudem o desenvolvimento do concelho.
    Aqui vai uma ideia contributiva.
    1 - A melhoria dos acesso rodoviários, que muitos desses acesso se encontram em muito mau estado de conservação.
    2 – Um Parque de Campismo em Mértola ou na Mina de S. Domingos.
    3 – Construção de acessos para deficientes em locais públicos.
    4 – Apostar numa maior prevenção ambiental.
    5 - Maior valorização do nosso património cultural.

    ResponderEliminar
  18. Se não me falha a memória lembro-me de um senhor que lançava um Jornal chamado "Voz de Mértola" ha uns anitos, escondido por de traz do anonimato e só mandava a baixo e criticava (quando os outros não se podiam sequer defender). Pois mas o caso muda de figura anos depois vem aparecer de mostrando a cara. Bom exemplo sim senhor. "Atitudes cobardes" para quem tem telhados de vidro.
    ps: desculpem mas essa tava aqui encravada e tinha de ser dito.

    ResponderEliminar
  19. Matraquilho21/01/06, 23:36

    Ah! estava encravada??!!
    Ainda bem que a desencravaste. É um perigo termos coisas atravessadas. Pronto assim uma pessoa sempre alivia.

    Mas não metas os pés pelas mãos: o jornal "voz de Mértola" a que te referes, era uma publicação de cunho partidário, da responsabilidade única de um grupo partidário com expressão local. Com responsáveis perfeitamente identificados e conhecidos. E tinha um fim específico: combater, provocar, jogar abaixo (o que queiras) outra força política: a que estava no poder na altura. Nada mais legítimo. Assistimos a isto todos os dias com os jornais "alinhados".
    Ora a Voz de Mértola teve sempre contraditório nos comunicados e jornais daqueles que atacava. Vendo a coisa em termos de contabilidade: enquanto saía um voz de Mértola, saiam três ou quatro daqueles jornais Azulinhos (enjeitaram o vermelho, não sei porquê).
    Tás a ver, a democracia funciona assim. Nestas e noutras bandas. Nada foi inventado. Nada mais natural portanto. Percebes ó maisómenos??
    Ou querias ter tempo de antena em dois jornais opostos ao mesmo tempo?
    Tal é este democrata(zinho) !!

    Olha: se encontrares algum jornal do Avante com um artigo de opinião do Paulo Portas a malhar na Odete Santos, mostra à malta que eu calo-me logo e dou-te a razão toda.

    ResponderEliminar
  20. Sr Carlos Viegas
    não esteja tão preocupado com o anonimato dos que aqui comentam. Essa condição é o sal que tempera e mantêm essa sua "chafarica". Mais cedo ou mais tarde a selecção natural há-de imperar.
    No entretanto tire uma pequena dúvida a esta mertolense distante que ama a sua terra e que a traz sempre no pensamento: eu tenho 10 coisas contra a apontar a essa gestão autárquica. E tenho-me esforçado tanto em descobrir qualquer coisita a favor, mas não consigo. Será que posso apontar as 10 negativas. Ou a regra é mesmo 5 a favor e 5 contra?

    (uma mertolense que vive na linha do Estoril e que vive intensamente
    os problemas do seu cantinho natal)

    ResponderEliminar
  21. Sôr Matraquilho, você não dê tantas calinadas que nem matrecos. Porque eu ainda guardo tais pasquins, porque para fins de higiene não serve. pelo que o outro já da e tem maior utilidade publica. Se é monocromático mais se afunda na trapalhice, pelo menos sai só com duas cores pelo financiamento que os seus autores conseguem, não vem tão colorido e tão afiado como o "voz de Mértola" pela razão que vocemessê sabe, de onde vem tanto dinheiro para propaganda. Apareciam nomes? aonde?
    Ps: Não sou democrata

    ResponderEliminar
  22. matraquilho22/01/06, 02:51

    ó maisómenos não democrata.

    Pra mim tanto se me dá o que sejas. Podes é ser sério e não baralhar tudo. Basta que defendas as ideias com elevação, que argumentes sem seres faccioso. Quando e se tiveres razão, levas uma gorpelha de palmas. Qual é o problema?
    Quanto aos jornais ou pasquins encabrestaste prái e não há nada a fazer. Ou há?
    Vê lá bem os pasquins todos, tu que és um gajo que não brincas em serviço e tens a colecção completa. Vais ver que os azuis também não trazem nomes. Mas sabe-se quem são os responsáveis. E nem os Verdes/Laranjas. Se fores ver o "Força Mértola" que saiu nas últimas autárquicas, e que também deves ter, verificarás que os artigos também não têm nomes, ou não estão assinados.
    Mas isso até é o normal. O que não é normal é veres só um escondido atrás da cortina. Isso é ser faccioso, percebes?
    Desde o moço da Prazeres (não sei o nome do rapaz) ao Luís Silva de outros tempos( tu és muito maçarico não te lembras dessa ave), passando pelo Rui Mateus e acabando no Carlos Viegas, isso é tudo malta que sabe fazer uns pasquinóides partidários. Eles são os tipógrafos de serviço e os vários partidos ao nível local os responsáveis pelos conteúdos. E não vem nenhum mal ao mundo por causa disso.
    Se não percebes isto, desisto!

    Já me esquecia: toma lá atenção à tua coerência. Vai-te-me à pesca ou passear pró Modelo de Beja e não me faças ruim figura neste dia de eleições. Até porque um não democrata como te afirmas não deve participar em actos que a democracia sustenta.
    Ficas avisado: eu que te apanhe prái todo abonecado ao pé de um corta fitas da democracia ou nalguma manif sindical. Vê lá no que te metes pá!

    ResponderEliminar
  23. So posso dizer que é uma pouca vergonha o que aqui se passa, dignifiquem o vosso concelho e deixem-se de ameaças e guerras, isto até ja nem tom de engraçado tem. Os grandes é que engordam às custas dos que por aqui e por ali discutem. E depois não passamos disto, andamos arrastados com os problemas enquanto que os politicos se juntam a comer patuscadas e a comprar jipes às contas dos pobres. Deixem-se de essas coisas pa!!

    ResponderEliminar
  24. Santinha, esteja à vontade, pode fazer a sua lista de criticas à vontade. Não se prenda com a regra das 5 mais e 5 menos.

    ResponderEliminar
  25. Fiquei sinceramente aliviado pelo amigo Malomén ter desencravado alguma coisa que lhe estava a fazer mal. Tudo a bem da saúde dos nossos comentadores de serviço. Quanto ao conteúdo do “desencravanço” não me merece qualquer comentário

    ResponderEliminar
  26. Makiavelli22/01/06, 18:29

    Cá esses assuntos não me meto. Não acho é piada alguma estas ameaças e estes tipos de cometários onde ja se falam em nomes de pessoas que não estão aqui para se defender, o tom das conversas agressivas e pragmáticas, só interessa a malomen Vs matraquilho. Dou uma sugestão, troquem o msn e discutam essas zangas particularmente.

    ResponderEliminar
  27. Matraquilho22/01/06, 23:35

    Makiavelli
    não aceito a tua sugestão. Ou também és tipógrafo ??
    Até prova em contrário pago a mesma renda que tu, no espaço que aqui utilizo.
    E neste espaço que é livre, os que se sentirem "tocados", cheguem-se à frente e rebatam o que acharem mal.
    Mas, vinda essa observação de ti, a coisa cheira-me mais a saneamento básico, matéria em que tu, pelos vistos, és especialista.
    E aí sim, tens abordado o tema com muita agressividade, e com muitas afirmações gratuitas

    ResponderEliminar
  28. Makiavelli23/01/06, 00:27

    oh amigo matreco, pra mim podes ofender-me e mandar praí bacoradas fanaticas que Não me sinto minimamente tocado se falas mal da cdu ou de pessoas que nomeias. Ser agressivo ou não, depende. Mas no teu caso até gostas diz lá que não? ;-) Pelos visto enfias "bem a carapuça" quando se belisca nos teus líderes políticos. Sim, posso ser um pouco agressivo ou mandar muitas postas de pescada. Mas não me ponho a falar de nomes de pessoas que não têm direito a defesa aqui neste local. Quanto ao Malómen podiam fazer uma luta de galos para ver quem é o mais forte, pra concluír (e já que estás a preparar-te para dar uma resposta bem ao teu estilo, estilo matreco barato de taberna) Informo-te nem resposta vou dar, perder tempo contigo nem vales 50 centimos que gastamos nos matraquilhos. Sacode-te!!

    ResponderEliminar
  29. Claro que estou familiarizado com a palavra avença, mais conhecida por prestação de serviços e por acaso gostava de saber quantas pessoas estão a trabalhar neste momento, nestes termos.
    Não sei se é impressão minha ou se estes contributos estão a tomar um caminho demasiadamente político, vamo-nos ficar pelos 5 prós e 5 contras, olhando para as melhorias ou ausencia delas e deixando de fora as cores políticas.

    ResponderEliminar
  30. Não se insultem meus amigos, contenham-se, deixem os umbigos e convivam civilizadamente.

    ResponderEliminar
  31. matraquilho23/01/06, 12:56

    marcavélio
    tás a ver! já te chegaste à frente.
    Já trouxeste práqui a cdu, coisa que nobodi tinha feito. À tu és desses? Pois eu não sou de nenhuns, porque isso ainda não é obrigado a ser acho eu. Vivemos em democracia não é? Cá pra mim os que estavam e os que estão pouca diferença têm. Eu orgulho-me de ser de Mértola. Tenho coisas a apontar a estes e muitas a apontar aos outros, não admira porque eles tiveram lá mais tempo. E há-de haver um dia em que esta população toda acorda mesmo e deixa de ser enganada. Agora tu que deves ser malta nova como eu, ou não te punhas ó computador, já tás com uma conversa de velho. velho desses marretas ainda por cima. Ao menos devias saber ler. Eu quando falo das pessoas não as tou ofendendo. E quando falo em nomes não os tou atacando só tou dizendo o que eles sabem fazer. Isso não é ataque. falei dos que sabem fazer jornais, quem falou em pasquins foi outro, para demonstrar que tavam a ser injustos com o carlos viegas. Que eu não tenho que defender o carlos viegas. ele que se defenda se quizer. quero lá saber. só achei que esse maisomenos olhando só pra um lado estava a ser faccioso. isso acho que não é ofensa. vai-te a ver ó diccionário o que quer dizer faccioso e vais a ver se não tenho razão.
    Tem mas é tino pá que a malta nova do concelho deve-se é unir toda e não ser deste ou daquele só porque sim.
    E quando trouxeres práqui material de verdade, tu ou outro qualquer, vais a ver se eu apoio ou não.
    Não sou é papagaio de falar o que este ou aquele partido diz.

    olha e vai-te a ver o que quer dizer fanático. deve tar ó pé de faccioso.
    vocês querem empregar umas palavras caras e depois não sabem o que elas querem dizer. deve ser só porque andam na universidade ou no décimo segundo.

    ResponderEliminar
  32. Cá estou novamente. A conversa está animada, é pena ter descambado desta forma.A Santinha vê 10 contras.Pois q diga, queremos saber. Já q se foi para o Estoril e não ficou para ajudar no "seu cantinho natal" dê culpas a quem ficou! Peço desculpa ao malomen e ao makiavelli mas só entram no chat para provocar distúrbio, ainda por cima estão mal informados nas criticas q fazem. Então não é normal pagar a utilização dos esgotos antes dos utilizar? É. Se não sabe informe-se. Parabéns ao xxxesburger, é esse o espírito, ajudar quem está à frente, para termos um concelho cada vez melhor, pq não fomos para o estoril ou para a suiça. Vivemos cá! Continuaremos a resistir cá!
    5 contras:
    -Fraco desempenho no Des.Económico
    -Obra eixo comercial já devia ter avançado
    -Água do Enxoé
    -Desertificação(problema regional)
    -Lotes para auto-construção
    5 prós
    -Ataque ás obras S.Básico
    -Finalmente agarrou-se a parte Ambiental
    -Qualidade e participação nas iniciativas culturais e lúdicas
    -Nova apresentação do concelho ao exterior
    -Trabalho nos produtos tradicionais

    ResponderEliminar
  33. Pelo tão grande número de opiniões talvez fosse viável convidar a população às reuniões aí da Vossa Câmara, assim saiam todos a ganhar, ou será que lhes agrada mais "teclar"?! Um abraço

    ResponderEliminar
  34. Muito obrigado Sr Carlos por ser tão compreensivo e ter aberto uma excepção.
    Sabe eu tenho aí em Mértola uma pequena casa na vila velha, herança de família, composta por oito divisões e quintal com cisterna.
    Como não vivo aí, a casa está com poucas condições já se sabe e o alpendre um pouco caído.
    Então não é que recebi há pouco uma carta desses senhores que agora aí estão, com ameaças de que tenho de pagar mais impostos e que a casa constitui um perigo, que pode cair a qualquer momento e que necessita de obrsa e mais não sei o quê?
    Pois como fiquei de lhe dizer aspectos negativos dessa gestão eis o primeiro. Mas há mais:

    -Tenho um familiar aí em Mértola que me diz que já concorreu três vezes e nada aconteceu. Acho mal que só entrem os outros. São sempre os outros os escolhidos. Porquê?
    -Receber cartas com ameaças de que tenho de pagar, acho um horror. A casa ainda é minha e farei obras quando puder e entender. Os outros senhores que aí estavam nunca me ameaçaram. Deve haver mais casas a cair ou em mau estado na vila velha. Será só a minha?
    - Já fiz uma proposta a essa câmara para a aquisição da minha casa e os valores que me falaram são ridículos. Porquê tanta má vontade para com uma pobre senhora viúva?
    -Considero mal gasto o dinheiro naquela estrada no outro lado do rio, só para servir duas ou três pessoas. Há luxos caríssimos
    - A localização do novo cemitério é um horror. Estragaram o cerrinho das Neves da minha meninice onde após a procissão havia festa e muita alegria.
    - Mértola sempre cheirou mal. É um horror no Verão. Da última vez que aí fui notei mais alguma limpeza, mas os contentores ...oh meus Deus o cheiro
    - E que dizer da água? Então esses senhores de agora não são os responsáveis pela água que vem do Enxoé quando se calhar a do nosso rio desde que tratada seria bem melhor? Uma vergonha esses depósitos à terceiro mundo. Aqui no Estoril isso não se usa.
    - A restauração em Mértola é bastante cara e tantas vezes de fraca qualidade. Não basta só anunciar que a cozinha é típica e a galinha caseira. Penso que o turista assim não volta segunda vez. A câmara devia fazer qualquer coisa e ainda não fez
    - Já ouvi queixas de que aos fins de semana o Posto de Turismo a Igreja e outros locais se encontram fechados. Não pode ser. A vila não pode morrer ao fim de semana meus senhores.

    Tinha muito mais mas fico-me por aqui para não maçar sr Carlos.
    Um bem haja para si Sr. Carlos Viegas e para todos os que adoram a nossa terrinha

    ResponderEliminar
  35. Não conheço a pessoa em questão "Santinha", mas fala de uma pequena casa com 8 divisões, quintal com cisterna, e adquirida a titulo gratuito?
    Hum...não tem procedido a obras de conservação obrigatórias não é?
    Resumindo, é mais uma daquelas casas que só dá mau aspecto, mas quando se trata de ser penalizado por se ter demitido das suas responsabilidades não gosta.
    Lamento que pense assim, pela sua conversa só vem a Mértola de vez em quando, e não está bem informada porque todas as pessoas que tem casas em mau estado de conservação tal como a sua foram penalizadas por isso.(li as notas de imprensa da Câmara)

    ResponderEliminar
  36. mertola FOREVER lover26/01/06, 16:37

    Retrato actual de Mertola (concelho): TURISMO CINEGÉTICO, MUITA TESTARONA E VIRILIDADE.
    Vantagens e promoções regulares: pacote com "TUDO INCLUÍDO".
    Mértola não merece...

    ResponderEliminar
  37. Meus amigos, todos juntos somos muitos.
    Falam muito, mas quem cá está sabe com quem pode contar.
    Tô a ver que os meus amigos só vêem as coisas más, completamente desconhecedores de como é bom viver nesta Vila.Falam ...Falam... mas estão sempre cá caidos.

    ResponderEliminar
  38. D Santinha
    É com agrado que li o seu comentário sobre a Vila, mas há um aspecto que não podia deixar passar em claro.
    Refere que é proprietária de uma habitação na Vila Velha, a qual não se encontra em condições de habitabilidade. Também refere que recebeu uma "ameaça" da Câmara para pagar se não fizer obras, obras essas que só faz quando entender e se entender já que é proprietária.
    Devo dizer-lhe que muitas câmaras deveriam fazer o mesmo já que será mais bonito ver o património a cair do que ser revitalizado? ou será porque esta parte de Mértola se chama "Vila Velha" que as casas deverão cair e apresentar o aspecto degradado que apresentam algumas, só para o turista se identificar com as ruínas do passado?
    Não acha que ficará mais bonito ao passarmos pelas históricas ruas da Vila observarmos as fachadas melhoradas e arranjadas?
    Gostaria também de a informar que se pretender mesmo arranjar a sua habitação, porque não candidatar-se ao programa anual da Autarquia para comparticipação nas obras necessárias...(Existe o Plano de salvaguarda do Centro Histórico, para recuperação de imóveis)!! alguns euros já são uma ajuda e concerteza a Vila ficará mais bonita com as suas casas arranjadas e caiadas a brilhar ao sol de Verão...
    Há que dizer o que está mal, mas também há que louvar o que está a ser feito para não deixar morrer um património que é de todos.

    ResponderEliminar
  39. Faço minhas as palavras da "maria" porém gostaria ainda de acrescentar que se a D. Santinha não tem dinheiro para arranjar a casa que tem na vila velha, e o que tem são críticas destrutivas relativas a tudo e mais um pouco, eu sugeria então que não aplicasse o termo "todos os que adoram a nossa terrinha", (por ser demasiado forte) e que decidisse duma vez por todas VENDER A CASA PORRA!

    ResponderEliminar
  40. Boa papo amarelo...

    ResponderEliminar
  41. matraquilho27/01/06, 13:21

    mas afinal onde é ca velha tem a casa. isso fica lá opé do joão pedro?

    ResponderEliminar
  42. Tenho cá um palpite onde é a casa "matraquilho" e se é a que penso deveria mesmo ser arranjada... é pena ver-mos ainda casas degradadas e a cair nesta nossa "Vila Museu"

    ResponderEliminar
  43. Concordo plenamente @maria... O Centro Histórico deveria ser a parte mais "apresentável" da Vila, deveria ser uma espécie de Cartão de visita, felizmente a Câmara está a recontruir as casas da Autarquia...É pena que muitos particulares não façam o mesmo ou então as vendam a quem as queira comprar!

    ResponderEliminar
  44. Olho azul claro27/01/06, 16:56

    O que mais há no Centro Histórico são casa velhas e de "velhas"(só para usar os vossos termos) sem dinheiro para as arranjar. Claro que há as subvenções, mas para quem mora fora não sei se será fácil saber quando são as candidaturas e o dinheiro que dão também não paga tudo, ou paga?
    Quem vende quer ficar rico, e não é todos os dias que aparece gente que queira esbanjar dinheiro numa casa velha e num sitio onde as obras são caras, já sem falar nos projectos que tem que ser todos XPTO's e no Papão do IPAR.

    ResponderEliminar
  45. É mesmo assim como diz... quem vende quer ficar rico! As pessoas tem que ter noção do que estão a vender! O problema é que há tanta falta de habitação que as pessoas se vão sujeitando a comprar o que aparece, por muito mais € do que o imóvel vale na realidade! Devia haver um Organismo que "fiscalizasse" as vendas de imóveis! P. Ex. Uma pessoa quer vender uma casa, dirigia-se ao tal organismo, um tecnico avaliava a casa e a pessoa não poderia vender a casa a um preço superior áquele! Isto sou eu a sonhar...

    ResponderEliminar
  46. Cara(o) Analsd deve estar mesmo a sonhar, porque aí é que as casas caiam mesmo e ninguém as vendia.
    Não há dúvida que com a falta que há de habitação para os proprietários é fácil "abrir a boca e pedir o que lhes vem à ideia"... o pior é o bolso do desgraçado que compra a casa a cair e gasta mais do dobro para a reparar...
    Isto só para falar em casas para vender, porque se for para alugar o caso é bem mais sério.
    Alguém arranja uma cozinhita, um quartito e uma casa de banho (com polibam) como é lógico, válida para aluguer no final do Verão - a professores - bem entendido, pelo preço do ordenado dos coitados.
    Isto é a realidade neste paraíso à beira-rio plantado, só dá vontade de dizer aos professores - peçam recibo do aluguer... há mts impostos a passarem longe das finanças.

    ResponderEliminar
  47. Olho azul claro30/01/06, 12:03

    Isto das casa em ruinas na Vila Velha é um caso sério. Há pessoas a residir em casas arrendadas cujos senhorios não podem fazer obras, pois muitas vezes as rendas são muito baixas, outros são proprietários, mas não têm dinheiro para fazer obras, a vida não está fácil para ninguém, e há ainda pessoas que são proprietárias mas residem fora, e não tendo possibilidades de as arranjar também não considero que seja motivos para as vender ao desbarato, ou para serem obrigadas a alienarem um patrimonio que um dia mais tarde(olhos no futuro), havendo possibilidade, podem arranjar e tornar-se um destino de férias e fins-de-semana, que a nossa vila também precisa de gente que matenha raizes no passado.
    Ora há que manter um nivel mais ou menos razoável de exigência aos proprietários, verificar, sendo caso disso, as razões das pessoas por detrás das casa em ruinas! e ainda, não exigir aos particulares o que entidades, como p.expl., a câmara não faz. Porque o problemas das casas em ruinas não é o único. O que dizer sobre as calçadas, num sitio habitado principalmente por idosos? e andar de carro? principalmente para turistas, torna-se, muitas vezes, um verdadeiro calvário, mas valia restringir o transito a residentes.

    ResponderEliminar

Voltamos a ter comentários abertos, mas moderados. Agradecemos educação e cuidado com a linguagem.