Vamos falar de


quinta-feira, 5 de junho de 2008

Festas da Vila


13 comentários:

  1. para mim as festas estao excelentes, não precisamos de artistas internacionais para fazer a festa, so axo que o século XXI eram um bom grupo de baile, vamos ver como se porta os quarta serie!!

    abraços

    ResponderEliminar
  2. Este ano e k vai ser.. CORVOS, GNR, JOSE CID... Muito bem escolhido...

    Viva ao Rock in Rio-Mértola Guadiana '08


    Miguel

    ResponderEliminar
  3. Realmente cada vez pior... Mas será que ninguem vê que este cartaz esta mal distribuido??
    O melhor artista e com mais possibilidade de fazer uma boa bilheteira canta numa segunda feira????
    Tenham juizo...
    Estas vao ser as piores festas de sempre...
    Gnr e corvos são claramente apostas erradas...
    É sempre a mesma m....

    ResponderEliminar
  4. o amigo anónimo como eu, não deve ser de mértola ou entao esta muito mal actuvlizado!!

    lindinho josé cid é uma segunda porque caso nao saiba terça é feriado em mértola, duhhhhhhhh

    se não axa as festas boas, não apareça por lá que não faz falta nenhuma!!

    abraço

    ResponderEliminar
  5. Anónimo de 8.6.08 - 2,49
    Ouvir - colocar a orelhinha à escuta
    houve - Existiu

    Houve e há um grupo GNR

    Mas ainda se .... ouve . Faça atenção como escreve, pf.

    ResponderEliminar
  6. eu nem me posso queixar destas festas...
    como tem sido nos ultimos anos nao se esperam artistas de grandes renomes (e também não é preciso para o público que vai assistir, que quer é andar a beber imperiais, dançar um baile e mandar bocas aos artistas que estão em palco enquanto não têm música para dançar...), mas dá para a festa e para a palhaçada também XD

    corvos não conheço mas já me a conselharam e fizeram uma comparação que me chamou a atenção, GNR é para ir ver que há muito tempo ouvia e ainda gosto de o fazer quando calha e o cid é para a brincadeira.

    acho que dá para todos os gostos, e para quem não quiser a solução é muito simples: NÃO VÃO!!!...

    ResponderEliminar
  7. Pessoal
    Acho que a dificuldade em contratar o Gabriel Pensador,foi positivo, acabou por melhorar o cartaz com os GNR.O pessoal do conselho identifica-se mais com o estilo GNR do que Gabriel pensador.

    Quanto aos Corvos, conheço bem, já vi alguns espectaculos deles em bares e discotecas, tenho um amigo dj que já tocou com eles várias vezes e é mt giro,enquadram-se perfeitamente na ideia de realizar o espectaculo no castelo!boa aposta!

    José Cid, penso que haveria outra solução, ou não?

    Tenho opinião identica com anónimo, sobre os seculo XXI, vamos ver como se comportam os Quarta Série.

    Quanto ao resto, só espero que as entradas não sejam mt caras, e desejo ao pessoal que se divirta, porque é S.joão, estas são as festas da nossa terra, e que o verão está chegar! Aproveitem!

    MR

    ResponderEliminar
  8. Ó MR onde foste buscar essas teorias pseudomusicais.
    Aí nesse teu destino de férias é fácil teorizar não passam de teorias frustradas.
    Cresce e apareçe............

    ResponderEliminar
  9. Não esperava grandes artistas para as festas mas acho que os Corvos foram uma excelente aposta, não conhecia mas fizeram um bom espectáculo.
    Os GNR na minha opinião podia ter sido melhor.
    Quanto ao José Cid é esperar para ver, já ouvi dizer bem como ouvi dizer mal..

    Só tenho a referir que fiquei bastante desiludida com o baile..pensei que a Quarta Série poderia ser qualquer coisinha como a Banda Século XXI mas enganei-me completamente..o baile foi muito fraco..ao invês de tocarem musicas bem populares e mexidinhas...mais parecia que estavam ali a mandar o pessoal para casa mais cedo "matando" aos poucos o espirito de festa das pessoas ..Outro pequeno reparo...o numero de pausas que fizeram durante o baile não se percebe, quando deviam ter aproveitado que logo a seguir ao concerto dos GNR ainda havia bastante pessoal,para meter toda a gente a dançar..fizeram exactamente o contrário.

    Mais valia contratar um daqueles artistas que actuam nas festinhas de verão nas aldeias, ao menos tinha metido toda a gente a dançar e ainda aopsto que ninguem iria sentir saudades da Banda Século XXI que durante 4 anos ou mais nos habituaram a bailaricos bem animados até de madrugada.

    ResponderEliminar
  10. Estamos ainda em plenas festas mas pode-se fazer já um primeiro comentário sobre esta edição.

    Na minha opinião falou-se muito sobre quais os artistas que iriam estar presentes nas festas, falou-se demais.

    MR respeito a tua opinião mas não achas que os GNR são um grupo já um pouco ultrapassado e que todos nós já vimos? Acho que é um pouco como os Seculo XXI. Por vezes é bom mudar e o Gabriel era sem dúvida uma grande surpresa no cartaz e que iria atrair muito público.(Se quiseres empresto-te uns concertos pa ver se gostas)

    Mas opiniões são opiniões.

    Estranhei isso sim a ausência do grupo da nossa terra, os Last Hymn ou Bacoustic? De louvar a exposição de fotografia com alguns artistas da terra, de estranhar a ausência dos primeiros.

    Até agora tenho gostado das festas, e como o Mário escreveu, a malta quer é beber umas cevejas e bailar.

    Foi notável o esforço dos vários participantes e organizadores para realizar a primeira noite no Castelo, mas será que vale a pena? Será que o ambiente compensa as limitações inerentes do espaço?!

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  11. c damasceno25/06/08, 15:09

    grandes festas, GRANDE FESTA!...

    ResponderEliminar
  12. Boas festas, boas festas. só não percebo é uma coisa, que raio de blog é este que leva uma eternidade para aceitar os comentários, depois querem que as pessoas que por aqui passam exponham os seus pontos de vista.É dificil, passa o tempo o tema deixa de ter interesse. Por isso aqui fica o apelo. TOCA A SER UMA PRESENÇA MAIS ASSIDUA POR ESTAS BANDAS.

    cumprimentos

    ResponderEliminar
  13. Para o anónimo de cima
    Amigo estão abertas inscrições, podes sempre dar uma ajudinha a administrar o blogue. Obrigado

    ResponderEliminar

Voltamos a ter comentários abertos, mas moderados. Agradecemos educação e cuidado com a linguagem.