Vamos falar de

Brevemente novo artigo de opinião de Jorge Pulido Valente com o titulo: RUMO Á ECONOMIA CIRCULAR. O QUE É?

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Incêndio no Centro Histórico de Mértola destrói supermercado (Actualização JN)

Um incêndio que deflagrou num supermercado do Centro Histórico de Mértola destruiu por completo a unidade comercial, tendo-se depois propagado a outras duas habitações contíguas. A Polícia Judiciária vai investigar a origem do fogo.
Foi ainda destruída uma arrecadação contígua, um anexo desabitado e a cobertura de uma loja de eletrodomésticos. Duas pessoas poderão ficar desempregadas, não existindo vítimas a lamentar.
O alerta para o incêndio foi dado às 14.45 horas, quando o supermercado Rolha, propriedade do jovem empresário José Rolha, ainda estava encerrado ao público.
Populares viram fumo a sair do teto e alertaram um dos funcionários que mora por perto e entrou supermercado dentro com outras pessoas munidas de extintores, mas o muito fumo impediu que pudessem combater as chamas.
Os Bombeiros de Mértola acorreram rapidamente ao local, mas as chamas já tinham assumido grandes proporções. A arrecadação contígua ao supermercado também ardeu, tal como o anexo de uma habitação que estava desabitada.
Uma loja de eletrodomésticos também foi afetada, tendo ardido parte da cobertura do edifício, e os estragos tiveram origem, principalmente, na água do combate ao incêndio.
Ouvido pelo JN, o presidente da Câmara de Mértola, Jorge Rosa, que também esteve no local, lamentou o sucedido ao empresário e o facto de "duas pessoas puderem ficar desempregadas", acrescentando que a edilidade "vai apoiar o empresário, criando uma equipa de trabalho para proceder a limpezas e disponibilizar apoio social", concluiu.
Segundo foi possível apurar o estabelecimento estaria protegido por um seguro, desconhecendo-se em concreto os danos que cobre.
A travessia do Centro Histórico de Mértola foi feita por ruas alternativas, que já recebem trânsito dos automobilistas que procedem do Algarve.
No combate às chamas estiveram 44 operacionais, dos Bombeiros de Mértola, Beja, Serpa, Ourique e Castro Verde, Proteção Civil Municipal e GNR, apoiados por 26 viaturas.
(Creditos de algumas fotos publicadas na noticia do JN do autor deste Blogue.)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Voltamos a ter comentários abertos, mas moderados. Agradecemos educação e cuidado com a linguagem.