Vamos falar de


sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Cavaco à primeira

Cavaco Silva desceu 3,7 pontos de dezembro para janeiro mas ainda parece ter as duas mãos na vitória eleitoral de domingo.

Com efeito, os 56,3%, somado ao facto de Manuel Alegre, o segundo classificado, ter descido cinco pontos, reforçam a tendência de vitória do atual chefe do Estado.

Mais atrás, Fernando Nobre confirma-se como a surpresa destas eleições, com 10% das intenções de voto. Francisco Lopes não ultrapassa os cinco pontos e Defensor Moura, com 2% e José Manuel Coelho, com 1,4% fecham a lista de candidatos.


In
Expresso de 21 de janeiro de 2011

Sem comentários:

Enviar um comentário

Voltamos a ter comentários abertos, mas moderados. Agradecemos educação e cuidado com a linguagem.