Vamos falar de


quarta-feira, 29 de novembro de 2006

Camarate foi atentado

A edição de hoje da revista "Focus", que entrevistou José Esteves, refere que o antigo segurança do CDS, assume agora que foi o autor da bomba incendiária que provocou o acidente mas que o seu plano era apenas pregar um "susto" ao general Soares Carneiro, candidato presidencial pela Aliança Democrática (AD), e que o engenho foi alterado por forma a provocar a morte dos passageiros do Cessna.

A explosão da aeronave Cessna, no bairro de Camarate, a 04 de Dezembro de 1980, provocou a morte do então primeiro-ministro Francisco Sá Carneiro, da sua mulher Snu Abecassis, do ministro da Defesa Adelino Amaro da Costa, do chefe de gabinete do primeiro-ministro António Patrício Gouveia, assim como dos dois pilotos do aparelho.

Noticias:
Diário Digital
Diário Digital
Portugal Diário
Visão

1 comentário:

  1. crime-camarate01/12/06, 22:43

    vejam o livro publicado em 1995 por uma jornalista alfacinha e avivarão a memória de certeza! esse crime que mexeu com os grandes barões e traficantes de armas, à semelhança de um mais actual que é o da casa pia, conseguiu passar impune à "justiça". não discuto os porquês. estão bem à vista. PORTUGAL = PARAÍSO FISCAL, PORTUGAL = JUSTIÇA FRAUDULENTA

    ResponderEliminar

Voltamos a ter comentários abertos, mas moderados. Agradecemos educação e cuidado com a linguagem.